Uma Malla pelo mundo Interney.net/blogs/malla

terça-feira, fevereiro 06, 2007

Meme das 3 atitudes ecoconscientes

Eu estou criando um meme, nesse exato momento, o "meme das 3 atitudes ecoconscientes". Eu sei, muitos torcem o nariz para memes, principalmente na hora de indicar para quem passá-los. Porque todo meme é de certa forma uma brincadeira de lista de (não)preferências, e essas listas são, a grosso modo, um exercício mental "aborrescente". Entretanto, abstraiamos a faixa etária e concentremo-nos na brincadeira, como uma forma divertida de relembrar pontos/momentos importantes em nossas vidas. E memes passam facilmente de um para outro, o que pode aumentar o valor adaptativo da idéia. É com essa mentalidade de diversão adolescente misturada à ação adulta por um mundo mais ecoconsciente (sem desbancar pro ecoxiismo), que eu gostaria que as pessoas repercutissem esse meme em seus blogs, para que gerássemos um mar de idéias, discussões e soluções ecológicas pela blogosfera. Não seria o máximo?

A idéia é a seguinte:

"Poste as 3 atitudes ecoconscientes que você praticou/pratica/pretende praticar na sua vida (ou na sua casa, no seu trabalho, no boteco, etc.) para melhorar a situação ambiental do planeta Terra."


Cada um escolhe o tempo verbal e o local que quer usar no seu meme, e se possível, discute um pouquinho sobre cada uma das suas 3 atitudes. Se a pessoa tiver mais atitudes para postar, não tem problema, ponha quantas quiser. 3 é um número aleatório que eu escolhi, mas não obrigatório. O mais importante é tentar pôr a mão na ecoconsciência e tirar 3 atitudes que você acha interessantes serem repassadas para outras pessoas ao redor, que outros leiam e, quem sabe, se inspirem.

Vamos começar?

Minhas respostas:

- Levar minha mochila quando vou fazer compras no mercado. Assim, evito o gasto desnecessário de plástico de empacotamento. Por que faço isso? (Minha perspectiva pessoal do problema) O plástico das sacolinhas (geralmente brancas ou semi-transparentes) termina no lixo, que infelizmente em parte ainda termina no mar, onde flutua parecendo uma água-viva. Algumas tartarugas marinhas (como a tartaruga-de-couro) se alimentam de águas-vivas, e ao verem aquele troço transparente flutuando, comem o plástico enganadas e morrem entaladas. Em países como Coréia do Sul e Alemanha, as sacolas de empacotamento são pagas, portanto as pessoas por lá já estão acostumadas a colocarem suas compras nas bolsas que trazem de casa. E minha consciência se acostumou facilmente a isso.

- Visitar parques e áreas de conservação. Por que faço isso? Sou bióloga, e sei o quão complicado é para arrumar verbas para uma pesquisa científica decente. Parques e áreas de conservação são locais abertos à visitação pública, agradáveis, uma diversão muitas vezes a preço irrisório. Mas esse ingresso irrisório, acreditem, faz a diferença entre manter ou não uma pesquisa andando, entre manter o parque funcionando ou não - qualquer ajuda nesses locais portanto é bem-vinda. Quanto mais visitação, sei que no final da linha, mais dados sobre fauna, flora, ecossistema e afins estarão disponíveis para toda a comunidade, e soluções de manejo mais consistentes podem aparecer.

- Não imprimo nada, a não ser o absolutamente necessário. Por que faço isso? Porque para produzir papel uma quantidade gigantesca de água é usada, além de árvores que são cortadas. Leio livros e artigos pela internet. Formulários, fichas de cadastro, etc, se tiverem a opção para mandar por email ou completar o pdf, eu faço. Mesmo quando não dá - o que no Brasil é tragicamente comum, porque a burrocracia adora um "papelinho" assinado e autenticado em cartório - eu imprimo nos dois lados da folha e se possível uso papel reciclável. Reuso papel para escrever até que nada mais caiba nele. E acho que deveria haver uma campanha nas universidades para que trabalhos escolares escritos só fossem aceitos em formato digital, nada de papel. Afinal, a universidade, onde em tese tudo se discute, deveria dar o exemplo à sociedade, né não?

****************

Como todo meme, tem que ser repassado para funcionar. Então eu aproveito e repasso para 3 pessoas, coincidentemente que também participam do Faça a sua parte, o nosso blog de aquecimento global e ativismo verde consciente: o Allan, o Flávio Prada e a Denise.

Tudo de bom sempre.

(Também postado .)

Marcadores: , ,